Mitos e verdades sobre as baterias automotivas


Você conhece todos os tipos de bateria automotiva? Algumas pessoas, com certeza, devem ter um conhecimento maior sobre esse dispositivo, enquanto outras, nem tanto.

Veja bem, não fiz essa divisão entre homens e mulheres, pois essa diferença entre os gêneros não existe nos tempos atuais. O fato é que muitas mulheres sabem melhor de carros e seus componentes do que alguns homens.

Pensando em todos os mitos e verdades que você já ouviu, resolvemos fazer um post para desvendar algumas dúvidas sobre as baterias automotivas. Vamos lá!


O aparelho de som do carro reduz a vida útil da bateria?

Verdade. É fato que o som ligado por muito tempo com o motor desligado vai descarregar a bateria e chega ser mais prejudicial se comparado ao ato de dar a partida no carro. Por isso existe o alternador do veículo: equipamento com a função de manter todos os componentes elétricos ativos após a partida do motor elétrico.

O ar-condicionado diminui a vida útil da bateria?

Mito. Neste caso, o compressor de ar-condicionado não prejudica ou reduz a vida útil da bateria, pois ele só será ligado a partir do acionamento do motor e seu funcionamento trata-se, basicamente, da troca de calor do ambiente interno com o externo através da circulação de um gás refrigerante.

Porém, você já ouviu falar da existência de um ventilador que produz e libera vento no interior do veículo? Se não, fique atento, pois esse equipamento, quando utilizado com o veículo desligado ou durante a partida, reduz a vida útil da bateria devido as suas descargas constantes e profundas.

As baterias mais pesadas são as melhores?

Mito. Essa frase pode causar sérios problemas a quem acredita. A performance de uma bateria de carro está relacionada à tecnologia e qualidade de sua matéria-prima. Uma bateria pode ser mais leve que a outra de mesma amperagem e, ao mesmo tempo, ter a mesma ou maior capacidade de descarga de energia.

Baterias de prata são todas iguais?

Mito. A liga de prata é utilizada por muitos fabricantes, mas o que as diferencia é a tecnologia com que as grades, componente onde se concentra a prata, são produzidas. Dica: fique atento às tecnologias empregadas no momento da fabricação da bateria de sua escolha.

Uma bateria usada pode ser reaproveitada?

Verdade. Quando a bateria perde sua funcionalidade, ela deve ser devolvida ao fornecedor, visto que 99% de uma bateria desgastada pode ser reutilizado para a criação de uma nova.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square